Modelo multinível do organismo humano. Parte 1

Corpos súteis do homemComa já foi dito no artigo anterior, de acordo com maior parte das religiões do mundo, o homem foi criado por Deus (Criador) à sua própria imagem e semelhança. O homem fica constituído de três partes: de corpo físico, alma e espírito. Muitas pessoas mais ou menos conhecem o que é o corpo físico. Mas muitos se identificam com o corpo físico. Dizem “Eu” e mostram no seu corpo físico. Mas o Ser humano não é o corpo físico! O Ser humano encarnado é o conjunto do corpo físico, da alma e do espírito santo. E nos outros planos do universo o Ser humano só tem a alma e o espírito santo.

E o que representam a alma e o espírito santo, onde se encontram, para que estão dados, qual é o objectivo deles, como desenvolvê-los? Nestas perguntas muitas pessoas não sabem responder.

Muitas pessoas pensam que para desenvolver, melhorar o corpo físico precisa alimentar-se bem, fazer exercícios físicos, evitar álcool, drogas, etc. Pensam que para melhorar a alma e o espírito precisa estudar a Bíblia, as orações, ir à igreja, rezar, etc. Vamos tentar esclarecer estes assuntos.

O espírito é uma matéria (energia, substância, campo bioinformático), dado ao homem para se comunicar com Deus, conhecer Deus, para união com o Divino. O espírito é uma parte de Deus, que se encontra a volta da cabeça de uma pessoa, inicialmente ele é perfeito. Mas com a idade a maioria das pessoas tem o espírito fraco, o contacto com Deus quebra-se. As pessoas precisam fortalecer seu espírito para restaurar e manter o contacto com o seu Criador, com os seus professores, mentores espirituais. O espírito, é uma matéria mais sútil, é uma energia da frequência mais alta.

A alma é uma matéria (energia, substância, campo bioinformático) dada ao homem para o auto-conhecimento, auto-aperfeiçoamento. A alma encontra-se no coração, no sangue. A energia da alma tem menor frequência da vibração de que o espírito. A alma é uma matéria mais densa de que o espirito. A alma é uma matéria sensível, tem uma mente, contem toda a experiência passada, incluindo os pecados do homem. O homem deve desenvolver a sua própria alma, aperfeiçoa-la constantemente, evitar as acções e pensamentos pecaminosos.

A alma e o espírito são imortais. Após a morte do corpo físico, a alma e o espírito são direccionados para o julgamento do Criador e dentro dum tempo entram em um corpo novo para receber novo experiência da vida. Isso acontece quando um óvulo feminino fertiliza-se com um espermatozóide masculino de acordo com a frequência da emissão que aparece neste momento.

O corpo físico, com seus órgãos inerente, é dado para entender o mundo, desempenhar atividades diferentes, para manter atividade da vida do corpo. No início da vida o corpo físico desenvolve-se até um certo nível, e, em seguida, começa o processo de envelhecimento e depois morre. As pessoas devem sempre manter a saúde do seu corpo, melhorar o seu corpo físico, prolongar a duração da sua vida para puder estudar e fazer mais.

O desvio do homem do seu propósito (melhoramento do mundo), as acções, pensamentos negativos, são puníveis com inúmeras doenças. As doenças geralmente começam nos corpos mais sutis, no nível mental e sensorial (de alma), e depois se espalham para o corpo físico. Para ser saudável e viver um longo tempo, devemos cuidar de todos os seus corpos. Antigamente as pessoas viviam centenas e milhares anos e agora só algumas dezenas. Vê-se uma certa degradação do homem.

De acordo com as escolas espirituais orientais o corpo humano é constituído de sete corpos, conchas (veja figura no início de artigo). Pode-se encontrar diferentes nomes dos corpos, por exemplo:

  • Corpo físico;
  • Etérico (energético);
  • Astral (emocional);
  • Mental (pensamentos);
  • Causal (cármico, contém experiências das incarnações passadas),
  • De alma (intuitivo);
  • Espiritual (Eu superior).

Alguns chamam estes corpos como: físico, etérico, astral, mental, causal, Buddhi e Atmico. Outros chamam os últimos quatro corpos – o primeiro, segundo, terceiro e quarto corpo mental, etc.

Todos os sete corpos do homem – representam as sete conchas, inseridas uma noutra e ligadas com as chacras correspondentes. Eles representam sete estados da matéria, sete campos bioinformáticos com diferentes intervalos de vibrações, cada uma das quais está dividida em sete sub-bandas.

A continuação se segue.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *