Novos Ingressos dos Estudantes no EaD da UEM

Ensino à Distância na UEM, MoçambiqueNo ano 2016 na Universidade Eduardo Mondlane (UEM) foram inscritos cerca de 233 estudantes nos cursos de Ensino à Distância (EaD). Isso corresponde a cerca de 65% do número das vagas planificadas para o novo ingresso para o EaD da UEM.

No curso de Licenciatura em Administração pública foi planificado o ingresso de 240 estudantes, foram inscritos 144 (60%), dos quais 98 são homens e 46 mulheres. No curso de Licenciatura em Gestão do Negócio foi planificado o ingresso de 60 estudantes, foram inscritos 44 estudantes (73,3%), dos quais 26 são homens e 18 mulheres. E no curso de Licenciatura em Organização e Gestão de Educação foi planificado o ingresso de 60 estudantes, foram inscritos 45 estudantes (75%), dos quais 31 são homens e 14 mulheres.

Cerca de 55% dos novos estudantes são de província de Maputo, 15% de Gaza, 15% de Inhambane, 8% de Zambézia e o resto de Sofala, Nampula, Manica. Nenhum estudante foi inscrito das províncias de Tete, Niassa e Cabo Delgado.

Estão planificadas para Maio próximo visitas de tutoria para as diversas províncias de Moçambique durante as quais serão realizadas as actividades de monitoria e divulgação da informação sobre os cursos de EaD da UEM.

One thought on “Novos Ingressos dos Estudantes no EaD da UEM

  1. Rasman Virgilio Ubisse

    De facto Dr. A titulo de exemplo, eu proprio teria feito exames ano passado mas a informacao nao foi expandida com incidencia e este ano ja estou a frequentar LAP. Contudo surgiu-me mais um entretanto. Caso tivesse tido informacao clara de que os tres cursos seriam ministrados tambem nas provincias teria concorrido para LOGE. Querendo com isto dizer que existe necessidade sim em investir na divulgacao, concordo plenamente.

    Reply

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *